Tuesday, January 11, 2022
HomeEsportes motorizadosAlonso revela 'grandes esperanças' de desafiar Hamilton e Verstappen pelo título

Alonso revela ‘grandes esperanças’ de desafiar Hamilton e Verstappen pelo título

Fernando Alonso revelou que tem ‘grandes esperanças’ de desafiar no à frente do grid em 2022, enquanto George Russell acredita que até cinco equipes podem competir pelo título mundial de Fórmula 1.

Uma série de novas mudanças de regras e um limite de orçamento aumentaram as esperanças do bicampeão mundial Alonso, e o novo companheiro de equipe de Lewis Hamilton na Mercedes concorda que a porta está aberta.

Getty

2021 viu uma das maiores batalhas pelo título de todos os tempos, e as coisas podem ficar ainda mais próximas

Verstappen e Hamilton eram inseparáveis ​​na frente do grid, mas poderiam ter companhia nesta temporada

Getty

Verstappen e Hamilton eram inseparáveis ​​na frente do grid, mas poderiam ter companhia nesta temporada

Alonso, de 40 anos, mostrou que ainda tem sucesso na temporada passada e pode desafiar os dois primeiros no carro certo

Getty

Alonso, de 40 anos, mostrou que ainda tem sucesso na temporada passada e pode desafiar os dois primeiros no carro certo

A F1 testemunhou, sem dúvida, a maior temporada de todos os tempos em 2021, quando Hamilton e o campeão Max Verstappen foram roda a roda em um número sem precedentes de ocasiões.

A dupla era inseparável ao entrar na rodada final empatada em pontos, com Verstappen conquistando seu primeiro título na última volta da temporada, ultrapassando Hamilton em circunstâncias espetaculares e controversas.

As coisas podem parecer muito diferentes este ano, porém, com novas mudanças de regras e um limite de orçamento trazendo o potencial de uma ordem de grid alterada e corridas mais próximas.

Os carros foram simplificados aerodinamicamente, com um redesenho que deve criar menos downforce, tornando-os mais fáceis de seguir, melhorando as corridas e as ultrapassagens.

Os pilotos deram uma olhada em seu carro drasticamente novo para 2022

Getty

Os pilotos deram uma olhada em seu carro drasticamente novo para 2022

E o novo design aerodinâmico pode tornar as corridas ainda melhores do que no ano passado

Getty

E o novo design aerodinâmico pode tornar as corridas ainda melhores do que no ano passado

A redução do limite de custos da equipe para US$ 140 milhões (£ 103 milhões) também deve atrapalhar quem gasta muito, como Mercedes e Ferrari, permitindo mais oportunidades para outros esquadrões explorarem.

E o bicampeão mundial Alonso, de 40 anos, que voltou ao esporte em 2021 de olho nas mudanças de regras deste ano, está vendo sinais de que sua equipe alpina pode competir.

“Estou otimista, temos os recursos necessários”, disse Alonso. “Temos o compromisso de Luca de Meo e Laurent Rossi. Toda a nossa gestão está comprometida com a Fórmula 1.

Alonso já testou as jantes e pneus 2022 em Abu Dhabi

Getty

Alonso já testou as jantes e pneus 2022 em Abu Dhabi

“O limite de orçamento deve ajudar porque as melhores equipes não têm mais um orçamento ilimitado. Agora todos têm mais ou menos os mesmos meios financeiros. Agora cabe a nós construir um bom carro.

“Somos fortes em muitas áreas, só precisamos de um pacote competitivo.

“Estamos trabalhando nisso há muitos meses e temos grandes esperanças. Definitivamente, temos que diminuir a diferença no motor.”

A Renault F1 foi renomeada como Alpine no ano passado em um esforço para comercializar a divisão automotiva de ponta da empresa, e a empresa francesa teve uma temporada de altos e baixos.

Alonso teve um retorno emocionante ao pódio no Catar e espera voltar lá em breve

Getty

Alonso teve um retorno emocionante ao pódio no Catar e espera voltar lá em breve

Alonso voltou ao pódio pela primeira vez em sete anos no Qatar, enquanto o companheiro de equipe Esteban Ocon conquistou a primeira vitória da equipe de Enstone desde que correu sob o nome de Lotus em 2013.

As mudanças nas regras são conhecidas por alterar drasticamente o esporte, com equipes capazes de encontrar uma vantagem extra, como Brawn GP em 2009, Red Bull de 2010 a 2013 e Mercedes de 2014 a 2020.

A própria Mercedes viu um abalo ao substituir Valtteri Bottas pelo ex-campeão britânico de F2 e GP3 George Russell, colocando o piloto de 23 anos ao lado do sete vezes campeão de F1 Hamilton.

Russell vem com uma grande reputação depois de alguns passeios impressionantes em seu backmarker Williams

Getty

Russell vem com uma grande reputação depois de alguns passeios impressionantes em seu backmarker Williams

O jovem nascido em Norfolk já experimentou a Mercedes quando surpreendeu o mundo com uma incrível exibição substituta no Grande Prêmio de Shakir de 2020

Getty

O jovem nascido em Norfolk já experimentou a Mercedes quando surpreendeu o mundo com uma incrível exibição substituta no Grande Prêmio de Shakir de 2020

Russell, porém, diz que ninguém sabe quem as novas mudanças irão beneficiar.

“Uma equipe como a Ferrari, que passou por um período difícil nos últimos dois anos, terá muita fome – especialmente com essas novas mudanças de regras – para voltar a lutar”, disse o ex-piloto da Williams. “Semelhante à McLaren também.

“Essas equipes têm a infraestrutura, o talento dentro do departamento de engenharia, com os pilotos também, para realmente lutar.”

Mesmo quando as mudanças nas regras permitem que equipes desconhecidas compitam, a F1 pode ser um esporte imitador, com equipes maiores replicando qualquer gênio da engenharia para diminuir a diferença no meio da temporada.

Muitos estão apostando na Ferrari para um retorno ao topo depois de passarem o ano focando em 2022

AFP

Muitos estão apostando na Ferrari para um retorno ao topo depois de passarem o ano focando em 2022

E Russell acredita que o desenvolvimento será vital, com o desafio extra de um teto orçamentário dificultando o progresso.

“Eu realmente acredito que há cinco equipes capazes de realmente fazer algo especial no próximo ano, então você tem que estar absolutamente nisso, e acho que o desenvolvimento será absolutamente fundamental”, disse ele.

“Não vai ser quem tem o carro mais rápido [at testing or the first race], é quem consegue entender bem o carro e pode desenvolver e construir a partir dessas bases ao longo do ano.

“Acho que todas as equipes farão um grande progresso desde a primeira corrida até o final da temporada.”

.

source – talksport.com

Prashanth R
Hi thanks for visiting Asia First News, I am Prashanth I will update the daily Sports News Here, for any queries related to the articles please use the contact page to reach us. :-
ARTIGOS RELACIONADOS

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Mais popular

x